quinta-feira, novembro 09, 2006

(...) Eu parecia perseguir simples corpos, mas o que eu cobiçava era captar almas encerradas em corpos nus. Isso, creio eu, é o que faz uma boa e verdadeira fotografia, que nunca é uma mera imagem para ser vista exclusivamente pelos olhos. É preciso trazer o coração à boca. É preciso ficarmos abalados, a tremer. De resto os corpos por si são só cadáveres adiados, sem interesse algum.(...)

Pedro Paixão in Asfixia

2 comentários:

borralho disse...

os olhos são a nossa "alma"...

JO disse...

bem... mas eu gosto dos "cadaveres", adiados, bem entendido.